Permian Brasil

A Permian Brasil, estabelecida em 2011, é uma das principais subsidiárias da Permian Global, que desenvolve projetos de conservação ambiental, com excelência, ao redor do mundo. Contando com a experiência de especialistas em soluções climáticas com base na natureza e melhores práticas aplicadas globalmente, nossa equipe agrega profundo conhecimento sobre natureza e sociedade locais para o desenvolvimento de projetos de carbono florestal visando o padrão VCS (Verified Carbon Standard) e o nível Triple Gold do padrão CCB (Climate, Community, Biodiversity), ambos verificados pela Verra.

 

O que nos torna únicos

Atuação em toda a cadeia de valor do mercado de carbono, desde o financiamento para a geração de créditos premium até a sua comercialização. Parceria com governos, órgãos públicos, comunidades, organizações da sociedade civil e iniciativa privada. Compartilhamento de resultados em Impacto Socioeconômico (ISE) desde o início e ao longo de todas as fases do projeto.

 

Nosso DNA

Esse conjunto de elementos, nascidos da visão de mundo dos nossos fundadores e altas lideranças, definem a personalidade da nossa marca e o modo de ser da nossa organização, refletidos em nossas rotinas e atitudes, como um guia de relacionamento com nossos parceiros e demais stakeholders.

 

Missão

Proteger e restaurar florestas nativas em larga escala para promover a segurança climática.

 

Visão

Um mundo mais justo e biodiverso, sem ameaças significativas do clima.

 

Valores

  • Ciência
  • Excelência
  • Integridade
  • Parceria

Com base nesses pilares, atuamos para que nosso trabalho seja vital, significativo e íntegro.

Deter a perda e a degradação dos ecossistemas florestais e promover sua restauração tem o potencial de contribuir com mais de um terço do total da mitigação das mudanças climáticas, conforme a recomendação dos cientistas até 2030, para atingir os objetivos do Acordo de Paris.

Nossa Atuação

Proteção e regeneração de florestas tropicais nativas em larga escala

A Permian Brasil prioriza áreas de floresta tropical natural que estejam comprovadamente sob ameaça de dano ou conversão. Nossa equipe avalia os direitos fundiários, a propriedade legal e realiza extensas pesquisas sobre o estoque de carbono, a biodiversidade, bem como as necessidades das pessoas que vivem na região.

Em seguida, nossos especialistas trabalham com comunidades e empresas locais, governos regionais e outras partes interessadas no desenvolvimento do projeto. Assim, é formada uma equipe multidisciplinar e representativa que, sempre que possível, é composta por moradores das comunidades locais. Assim, trabalhamos em conjunto para cumprir todos os programas previstos no projeto, como:

  • Monitorar e proteger a floresta contra incêndios, caça, pesca e extração de madeira ilegais;
  • Implantar atividades de regeneração florestal;
  • Desenvolver meios de subsistência sustentáveis como alternativas às práticas destrutivas;
  • Acessar até as comunidades mais remotas, para garantir o acesso à água limpa, saneamento básico, energia renovável, etc.

Todas essas atividades são, em determinado momento, totalmente auditadas e avaliadas por equipes independentes de organizações especializadas, para que o projeto seja verificado. A verificação abrange o estoque de carbono do projeto, bem como os indicadores de impacto climático, comunitário e de biodiversidade.

O papel das florestas nas mudanças climáticas é duplo: podem ser uma causa e uma solução para as emissões de gases de efeito estufa.

Estima-se que 25% das emissões globais venham do manejo do solo – esta é a segunda maior fonte de emissões de gases de efeito estufa depois da geração de energia. Cerca de metade destes (5-10 GtCOe por ano) tem origem no desmatamento e degradação florestal.

No entanto, as florestas também são uma parte vital das soluções para enfrentar os efeitos das mudanças climáticas. Cerca de 2,6 bilhões de toneladas de dióxido de carbono, um terço do CO2 liberado da queima de combustíveis fósseis, são absorvidas anualmente pelas florestas. Estimativas sugerem que quase dois bilhões de hectares de terras degradadas em todo o mundo – uma área do tamanho da América do Sul – oferecem oportunidades de restauração. O aumento e a manutenção das florestas é, portanto, uma solução essencial para as mudanças climáticas.

Florestas, particularmente as tropicais, são grandes ecossistemas complexos que, quando saudáveis, são cobertos por árvores de diferentes espécies que cresceram ao longo dos anos sem intervenção humana. Esse ecossistema é formado por uma comunidade de espécies – incluindo animais, árvores, plantas e microrganismos – e componentes abióticos, como minerais, energia eólica, água e luz ultravioleta. Cada componente desempenha um papel funcional no suporte à vida:

  • diferentes espécies de aves consomem e espalham as sementes de diversas espécies de árvores;
  • insetos polinizam plantas de floração;
  • árvores grandes fecham o dossel, sombream o chão da floresta e impedem que espécies de grama altamente competitivas a invadam;
  • os principais predadores mantêm um controle sobre o número populacional de herbívoros, o que permite que as mudas de árvores se estabeleçam.

A biodiversidade é, portanto, crucial para a manutenção de “serviços ecossistêmicos”, como a chuvas, a conservação do solo e o sequestro de carbono da atmosfera.

As comunidades locais são parte essencial do sucesso dos projetos de preservação florestal. A conservação verdadeiramente eficaz deve facilitar a transformação de uma economia local baseada na exploração de recursos naturais, para uma economia impulsionada pela sustentabilidade e proteção ambiental.

Nossa equipe

Quem faz a Permian Brasil

Dr. Miguel Milano

Conselheiro Sênior

Dr Fábio Olmos

Diretor Técnico

Luciana Burr

Diretora Jurídica

Adriana Martins

Diretora de Comunicação

Karen Wasman

Diretora de Recursos Humanos

Flávio Von Zuben de Andrade Jr.

Diretor de Novos Projetos

Luis Bairão

Diretor Financeiro

Denison Trindade Silva

Gerente Regional de Projetos (Amazônia)

Eliezer de Oliveira

Gerente de Relações Institucionais

Daniele Gidsicki

Gerente de Projetos

Albert Aguiar

Especialista em Biodiversidade

Jessé Burlamaque Maciel

Especialista em GIS

José Pacheco

Especialista em Biodiversidade

Valdenilda Karitiana

Especialista em Comunidades

Ana Carolina Cidin

Coordenadora de Extensão Rural e Restauração Florestal

Maria Luiza Mathieu Bernartt

Coordenadora de Projetos

Felipe Godoy

Advogado

Bruna Vilela Aubert

Analista Financeira

Carolina Fleck

Analista de Recursos Humanos

Letícia Leite

Compradora

Evely Barros

Assistente Financeira

Janielle Garcia

Assistente Operacional